AS PÉROLAS DO CATAR EM SÃO PAULO NA FAAP

 

Imagem 5

Um esplêndido colar de cinco voltas graduadas de pérolas combinadas à perfeição, unidas por dois elementos de platina e diamantes. Todas as pérolas são das águas do Golfo. Assinatura Cartier, c. 1930. Coleções da Museus do Qatar.

 

Corram para ver os últimos dias de uma das mais belas exposição sobre pérolas que já ví! ( Só até dia 12 de Outubro).  A FAAP é realmente uma universidade extraordinária, e a qualidade de suas amostras é absolutamente internacional, e tudo isso graças a presidente minha querida amiga Celia Procopio de Carvalho.  Ela é de fato das pessoas mais competentes para escolher e organizar exposições no Brasil. Há anos que sigo seus passos e vejo suas exposições, e realmente a cada vez consegue se superar.

Estão expostas mais de 200 peças – entre joias e obras de arte – mostrando a grande variedade de cores e formas de pérolas naturais e cultivadas. A exposição apresenta o uso das pérolas ao longo dos séculos, tanto no Oriente quanto no Ocidente, como um símbolo de prestígio e riqueza, as variações de gostos em diferentes culturas e as mudanças no design de joias com pérolas.

 

_FER3272

A diretora estratégica de Relações Culturais do Qatar, Safiya Saif Al Hajari, a presidente do Conselho de Curadores da FAAP, Celita Procopio de Carvalho, e o Embaixador do Qatar, Mohammed Al Kayki.

Reparem a beleza da apresentação desta exposição que trouxe até com os cofres do Catar!

_PZS4521

Não é uma beleza?

Imagem 7

Par de brincos de Elizabeth Taylor assinado pela Bvlgari, 1972. Coleções da Museus do Qatar.

Imagem 6

Broche Salvador Dali.

 

Broche “Labios de Rubi” de Salvador Dali. 

Entre 1941 e 1970, Dalí desenhou 39 peças de joalheria refinada. A princípio incumbiu Carlos Alemany de concretizá-as. Mais tarde pediu a outro amigo, Henryk Kaston, que continuasse criando essas joias de arte especiais, incluindo esta peça. Dizem que os lábios são inspirados na atriz norte-americana Mae West. Pérolas cultivadas e rubis. Nova York, 1970. Coleções da Museus do Qatar. © Salvador Dalí, Fundació Gala-Salvador Dalí, AUTVIS, 2014.

 

Imagem 8

Um raro tesouro: a variedade de pérolas, de diversos moluscos. Coleções da Museus do Qatar são realmente únicas no mundo!

_FER3123

Uma das salas extraordinariamente bem apresentadas!

 

Esta sala mostra o cultivo das pérolas e sua produção em escala industrial, iniciada por Kokichi Mikimoto no Japão. Mikimoto desenvolveu com êxito a tecnologia necessária para fazer pérolas a preços acessíveis a um grande número de mulheres. Hoje em dia, no leste da Ásia e nos mares do sul, é possível ver pérolas cultivadas em grande variedade de cores.

 

_FER3077

Cada móvel deste é um cofre forte com sua espetacular joia.

Estou falando sério é o melhor programa para se fazer em São Paulo. Eu fiquei totalmente deslumbrada!

_FER3065

Esta é a sala de projeções onde é explicado a pesca das ostras no fundo do mar!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 ideias sobre “AS PÉROLAS DO CATAR EM SÃO PAULO NA FAAP

  1. Estou sem palavras, sou apaixonada por pérolas desde meus 10 anos quando ganhei de papai um par de brincos de pérolas, hoje tenho uma coleçãozinha pequena, mas cheia de beleza e emoções. Estou arrasada por não poder estar ai, as exposições na FAAP são de uma competência ímpar, sem falar na beleza do prédio, dos jardins com suas esculturas, dos vitrais, das colunas… Obrigada meninas por trazer tanta beleza a nossos olhos, os “lábios” de Dalí são incríveis, um fds abençoado a vcs! bjbjbj

  2. Realmente esta exposição, é inacreditável! Nunca vį tantas maravilhas ,nem em Paris ,na bienal dos Antiquários ,deste ano ,havia un “stand” deste rafinement ,e beleza .Parabens querida Celita ,o seu maravilhoso trabalho é mais que internacional ! Sw

  3. Como vocês já sabem meninas, estudo na FAAP; e sempre estou nestas exposições maravilhosas.
    Esta de pérolas está um deslumbramento, passei horas lá dentro analisando cada peça e obra de arte. Li todos os textos explicativos e assisti aos vídeos. Um show! Me diverti e não percebi o tempo passar.
    Fica a dica para que subam um post sobre a exposição de fotos do Testino (também na FAAP), que também está incrível … fotografias com alma. Um deleite!
    Parabéns aos organizadores das exposições, e não percam!
    Beijos,
    VM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *