Beleza Pura!

 

Manhã de sol em Moscou, uma das cidades palco do romance e do filme Anna karenina: Bom dia Rússia…

 

Bom dia galera, hoje é sexta-feira, o dolce far niente está próximo e tenho um colírio pra recomendar pros vossos olhos, fatigados pelo vigor do dia a dia..

 

 

Semana passada, eu e a torcida do Flamengo corremos pros cinemas atrás de Anna Karenina, atraídos por um trailer promissor. Pena que o filme não superou sua propaganda e ficou naquilo mesmo, um espetáculo deslumbrante, figurinos fantásticos, atuações mais ou menos e… nada más.

 

Croquis de alguns dos vestidos lindos idealizados pela figurinista jacqueine

 

Jaqueline Durras, a figurinista do filme, recebendo o Oscar de 2013, da categoria. Sem se apegar ao vestuário estrito da época, Durras inspirou-se, sobretudo, em quadros da década de 1870, a mesma da trama que se começa em 1874, e também nos looks Dior dos anos 50; o resultado é sublime!

 

Só que é tanta beleza a encher nossa alma, que ela merece nosso tempo perdido, entre imagens estonteantes de uma trama confusa, baseada no livro homônimo e maravilhoso do meu russo predileto, Leon Tolstoi. Vejam o esplendor de algumas cenas abaixo…

 

 

 

 

 

 

Mais uma vez, o trio formado por Joe Wright (diretor) + Jacqueline Durras ( fiurino) + Keira Knightley (atriz/maneca) entra em ação e o resultado são looks inesquecíveis, como aquele vestido verde, estonteante, desenhado também por Durras e usado por Keira, no filme “Reparação”, de Wright, lembram? Dobradinha, no vestuário, tipo “Givenchy & Hepburn”…

 

Quem não pensou em copiar, na época, este vestido capotante que abalou Bangu, lindamente acompanhado por uma pulseira de brilhantes design decô, que deu o que falar…

 

Fiquemos, então, com a parte cheia do copo e nos encantemos com o figurino divino de Anna Karenina, saído da palheta de Jacqueline para ganhar o Oscar da categoria de 2013, e com louvor, como todo mundo está cansado de saber.

Algumas produções de “cabeças” que a levaram ao pódio maior do cinema…

 

 

 

 

 

 

 

Por tanto, quem ainda não viu, saia da inércia e caia de boca no visual de Anna Karenina. Ele vale o seu ingresso ou beleza não é fundamental?!  BN

 

AS JÓIAS, BY CHANEL, QUE ESTÁ ROUBANDO O MEDIANO FILME… Quando este é o assunto, só se fala no colar de flores…

O estonteante colar de flores, que funciona como na vida real, em vários  looks…

 

Com os vestidos preto e vinho…

 

… e também vai lindamente com este branco!

 

Os brincos muito lindos….

 

Compõe também, primorasamente, várias produções!

 

Pérolas e Chanel são uma parceria forever!

 

Os brincos lindos que completam o colar, no filme.

 

Vejam que efeito sensacional!

 

Delicadeza e muita beleza!

 

OS PRINCIPAIS LOOKS:

Comecemos pelo look de cambraia, o mais light de todo filme!

 

 

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

14 ideias sobre “Beleza Pura!

  1. Também adorei a resenha. Quem não se lembra desse vestido verde dela em “Reparação”….
    A Keira é muito esperta e só trabalha com essa figurinista desde “Orgulho e Preconceito” e bingo: Mais um Oscar nessa categoria.
    Esse filme é um must por entender um pouco Tolstoi além da beleza do figurino, cenário de época e da atuação dos atores.

  2. Sou apaixonada por esta história e li o livro algumas vzs. Das versões filmadas a que mais me impressionou foi o da Greta Garbo no papel da Karenina. Sem dúvida, nenhuma versão antes se compara ao visual maravilhoso do filme deste diretor, tão detalhista e de um fino senso estético. Guarda roupa, joias,ornamentos de cabeça, tudo perfeito. Isso tudo aliado ‘as interpretações , nos faz mais próximos ao drama pungente de Tolstoi.
    Bjs querida Bebel e parabéns pela belíssima matéria. vabr

  3. Eu adorei e amei a maneira que ele encontrou de contar essa triste história de amor… Genial a ideia de fazer o cenário montado como um teatro! o filme abre como uma peça, com uma cortina e um palco, onde o filme está montado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *