OPALA

Opalas Preciosas Australianas

 

Na Idade Média acreditava-se que as Opalas traziam sorte…

Hoje, super na moda em anéis, brincos e jóias diversas e divinas, são também consideradas talismãs de “Boa Fortuna”.

Naturais da Austrália, que concentra 97% da produção mundial, elas brilham como num arco-íris, numa gama infinita de cores.

Numa época muito distante da nossa, nas lendas e contos que cercam os aborígenes da Austrália, dizia-se que o Criador descia à Terra num arco-íris, para trazer uma mensagem de paz para todos os seres humanos. Em cada lugar que Ele pisou, naquele chão, as pedras se tornaram vivas e começaram a brilhar em todas as cores do arco-íris… Assim teriam surgido as Opalas!

 

Essas são mexicanas

 

Opalas Preciosas Brancas

Existem duas categorias de Opalas: as Preciosas e as de Fogo. As Preciosas mais importantes e raras tem o chamado “Play of Color”, pois quando a luz passa, elas ficam com as cores do arco-íris: Pontos vermelhos ( melhor qualidade quando esta cor prevalece), amarelos e azuis. As Opalas Preciosas vão das transparente às opacas. As Opalas de Fogo variam do amarelo ao laranja fogo.

Agora pasmem: existem Opalas no Piauí ( pouquíssimas)! Aprendi com nosso gemólogo favorito e competentérrimo, Daniel Sauer, que me deu uma aula interessantíssima sobre o tema.

AC

Brincos maravilhosos de Kimberly McDonald, com brilhantes rose cut, safiras rosas e rubis

 

Opala Negra, safiras e brilhantes

 

 

 

Michelle Obama, com brincos de Opala

Opalas de Fogo, AMSTERDAM SAUER

 

Opala Preciosa Branca, natural do PIAUÍ!!! AMSTERDAM SAUER

 

Kimberly McDonald

 

Amy Adams e suas jóias de Kimberly McDonald

 

Anel espetacular de Kimberly McDonald

 

O que são estes brincos? OMG! Kimberly McDonald e suas Opalas negras divinas!

 

Lindos!

 

Opala negra

 

Opala Preciosa com brilhantes azuis e verdes, SARA

Outra Opala Preciosa da SARA, numa "monture" linda e especial!

 

AC

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

12 ideias sobre “OPALA

  1. Credo, Fofa!!! E jurava q a opala era urucubenta!!! Kkkkkkkk!!! Lendo 40Forever e aprendendo!!! Hehehehe!! Vou providenciar uma urgente! Bjsss

  2. AC, muito boa sua exposição sobre opalas. Sou do Piauí e em Pedro II, (PI) temos minas e a produção não é tão pequena assim não! Sr. Sauer! Fique de olho! Adorei visitar seu museu !Parabéns!
    Nunca ouvimos falar que eram agourentas! Nunca mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *