SESSÃO NOSTALGIA!

A unanimidade, Glória Severiano Ribeiro, amiga querida e embaixatriz de Hollywood, no Rio de Janeiro, passa a vida socorrendo a quem precisa e, nas horas vagas, distribuindo gentilezas. Amo atender a seus convites para sessões de pré estréia, como fiz semana passada, e saí encantada pelo lindo filme francês, “Os Artistas”, que ela nos ofereceu!

Que petulância do diretor, Michel Hazanavicius, conceber, no técnológico século XXI, um filme mudo e sem cores, mas cheio de charme e romance, que nos faz mudar de idéia mil vezes, durante sua apresentação, em como enquadra-lo, pra chegarmos à simples conclusão, que estamos diante de uma belíssima homenagem à sétima arte, em seu estado mais depurado: a era do cinema mudo!

Fui vê-lo, em total inocência, por isso sentei, como uma “tábula rasa”, sem noção do que vinha pela frente e isto foi muito bom, pois meu queixo quase caiu, ao perceber aonde eu estava metida: revival, vintage, túnel do tempo, nostalgia, revisita, releitura são alguns dos adjetivos que, isolados, não têm forças para classifica-lo. Mas, quando somados, chegam ao destino desejado por Hazanavicius, e com louvor!

Seu filme é maravilhoso por ser, igualmente, um somatório de suas partes: brilhantes atuações (especialmente, do Clark Gable, Jean Dujardin), cenários e figurinos divinos, história muito bem contada, direções (musical, de arte, de elenco, de filme) impecáveis. E seu maior mérito é jogar, nas nossas caras,  que cinema mudo também é tudo de bom! Vale mil ingressos seus! BN

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

13 ideias sobre “SESSÃO NOSTALGIA!

  1. Acho que melhor do que o filme, só a sua crítica : tão bem escrita !! Vou ver o filme amanhã, neste Carnaval de adolescentes e blocos. Socorro !!
    Bjo Teresa

    • Realmente o filme é tdo isto e mais um tanto, e esse tanto que falta, é a concietização e a falta de interesse e respeito pelo cinema (antigo), tanto nacional como internacional, tem tanto filme bom das décadas passadas, que vcs ficariam de queixo mais caido ainda, cinema é um mundo m a r a v i l ho s o…saiba mais sua história, seu percurso at aki…é deslumbrante.que bom que gostaram deste…já é um começo.
      Obs.e só pra lembrar…o ator (Jean Dujardin), estava mais pra Errol Flynn, ator de filmes de Capa e Espada da época. bjo meninas.

      • Obrigada Marli por nos acompanhar! O Jean Dujardin tem mesmo muito de Errol Flynn, mas aquele leve ar debochado, no sorriso, me lembrou demais Clark Gable, do Vento Levou. Como você, sou louca por cinema, do tipo que vou ao cinema sozinha, mais de uma vez na semana. E em casa, me dedico, também como vc, aos filmes de outras épocas. São, realmente, maravilhosos! Bjs BN

  2. Você ficou supresa,mas a minha foi maior que fui assistir para treinar um pouco o meu Ingles e me deparo com um filme mudo.Sai maravilhada com a idéia de uma pessoa fazer um filme antigo no meu de tanta tecnologia,e ter todo um encanto,um glamour ,sedução dos artistas que te envolve e te faz viajar naquela história que flui e vai te deixando levar apesar do preto e branco.E sem falar na lição de vida que deixa no final.O filme e realmente surpreendente em todos os aspectos

  3. Bebel querida: fiquei maravilhado com o filme tb. Indiquei-o para um paciente afásico que compreende tudo ,mas não consegue falar. Quiz mostrar a ele que mesmo no silencio há possibilidade de comunicação . O resultado foi fantástico !!!! Talvez o que o mundo esteja precisando mais êh de um pouco desse silencio …..

  4. Dr Sérgio Novis,quanta saudade,
    O Senhor esta certo precisamos um pouco de silencio em nossas vidas e ficar um pouco em contato com o nosso criador.E nesse encontro da criatura com o criador,sentir o que ele reserva e espera de nós.
    Um grande abraço .
    Raquel Sena

  5. minha querida isabel,vi o filme, em janeiro, indicado como – ” o melhor dos filmes que concorriam ao oscar “-, pelo meu casal de amigos italianos, Dante e Fracesca Ferreti, que alem de amigos queridos, sao todos os anos parte do juri do oscar!, ( alias, os 2 ,levaram pra casa, ontem ,2 estuetas, por set desigenr and set decorator, pelo linidissimo fiilme,Hugo, de msrtin scorcesse…
    eles me falaram que o filme era das coisas mais lindas, uma homenagem perfeita e emocionante a mais pura arte do cinema!
    eles tinham razao!
    sai da sala, emocinadíssima e feliz por saber que em 2012, um corajoso diretor e sua brilhante equipe tiveram a delicadeza de realizar um filme tao belo, em preto e branco e mudo!!
    arte é arte! o resto e pura bobagem… rsrsrs !!!!
    amei o o que voce escreveu sobre o filme, just perfect!! beijos
    e parabens pelo talento!!
    claudia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *