UMA DICA FRANCESA PRECIOSA!

Dica pra quem estiver de férias na deslumbrante Paris!

Passei a vida chamando a querida prima Andrea Wanderley de minha “personal Melanie”, por justificados motivos. Pra quem chegou agora, eu me explico: Melanie era a personagem que resumia todo “savoir faire” deste mundo, no meu filme de cabeceira, “E o vento Levou”: uma espécie de arquétipo do bom senso.

Por isso, tudo que ela fala e indica acato na sua minúcia, sempre é uma dica maravilhosa. Como esta que ela nos dá hoje, em homenagem às férias de julho! BN

ANDREA WANDERLEY: “Acabei de chegar de Paris, onde passei dez dias de sonho…Fui visitar minha filha que está morando lá por alguns meses e levei meu filho, estreante na capital francesa. Foram muitos os passeios, as caminhadas, as exposições. Claro que tudo isso recheado com várias paradas gastronômicas…

Acho que já se falou tudo sobre Paris, mas tem um passeio que poucos brasileiros fazem e que vou recomendar: uma visita à Catedral de Saint Denis. Fica no norte de Paris. Fui com meu filho de metrô – linha Chatillon-Montrouge / Saint Denis Université. É um pouquinho longe mas vale à pena. A catedral foi a primeira influência da arte gótica, é belíssima. Lá estão enterrados a maioria dos reis da França, dentre eles Henrique II, Catarina de Medicis, Filipe, o Belo; Carlos Martel, Pepino, o Breve; Francisco I, Luis XVI e Maria Antonieta. Para os amantes dos “Reis Malditos”, imperdível! A catedral fica no local onde está a tumba do primeiro arcebispo de Paris, São Denis.

Bem, é um passeio lindíssimo e repleto de referências importantes da história da França. Ah, não fui, mas fiquei sabendo por um tio francês que o restaurante em frente à catedral é delicioso…fica para a próxima…Chama-se Le Mets du Roy” . AW

Catedral de Saint Denis: emblemática!

Memorial de Luis XVI e Maria Antonieta

Restaurante Mets du Roy.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

23 ideias sobre “UMA DICA FRANCESA PRECIOSA!

  1. BN! Parabéns! Na bagagem tem que ter cultura. Sou filha de alemão com nordestina. Um dia voltando da Alemanha, irei lá. Adoro Paris! Não sabia que esses reis estavam todos lá.

  2. Maravilhosa a dica da Andrea,moro amuitos anos aqui e nunca tinha visitadoesta linda catedral ! Iremoscom a famïlia, mas estâ faltando a Divina ,BN !!

  3. Uma dica para quem gosta de História da França: a imperdível coleção de Simone Bertière, vendida, inclusive, em livro de bolso (de 6 a 8,5 euros) em qualquer livraria de Paris: Les Reines de France au Temps Des Valois (2 volumes) e Les Reines de France au Temps Des Bourbons ( 4 volumes ), onde é contada, pelo ponto de vista das próprias, a difícil vida das consortes e viúvas dos reis da França. Muitos dos retratados e retratadas jazem exatamente na catedral de Saint Denis.

  4. Fiz esse passeio com meus filhos + marido…E’ uma Beleza…especialmente para aqueles que sao apaixonados por tudo referente a franca…como meu marido…”‘recomendo “”, Y

  5. Oi Andrea adorei as suas noticias
    Tambem estava com uma temporada em Paris en-
    gatilhada pois Paula esta la fazendo o doutorado
    em Filosofia. e Carol minha neta da British que voces conhecem estudando frances
    mas vou contar as suas dicas. os Ovos Fabergé da
    Bebel e a Catedral de S.Denis foram um lindo presente de Pascoa
    saudades e bjs

  6. oi Andrea que boas noticias!!!
    estava planejando uma temporada parisiense
    em abril pois Paula faz doutorado em Filosofia
    e Carol minha neta que voces conhecem estuda
    frances. não vou poder ir mas passo as suas dicas
    que junto com os Ovos Fabergé da Bebel foram
    um lindo preaente de Pascoa. bjs + saudades

  7. Eu conheço a Catedral de Saint Denis. Um dia em que estava sem saber o que visitar em matéria de lugares turísticos, pois praticamente já os tinha visitados a todos, andava de metrô ouvindo o que o Ipod era naqueles tempos, o chamado “walkman” e qdo dei por mim estava na estação final da linha de metrô, e como tinha que voltar, fazer a conexão para o outro lado do quais da estação, desejei conhecer a rua, e saí da estação, então quase que por acaso eu conhedi essa igreja maravilhosa, cujos vitrais são também bastante conhecidos.

  8. Um livro imperdível que narra esse e outros lugares imperdiveis passeio e o da Any Carro que chama Paris sobre trilhos, abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *