VALE A PENA VER DE NOVO: PAELLA BY BONI, UM MUST!

 

Boni e eu, sortuda: ganhei este post pra nós todos…

Boni e eu, sortuda: ganhei este post pra nós todos…

 

Hoje é dia do meu aniversário… (janeiro)

Por isso resolvi retribuir a maior de todas as dádivas: o carinho de vocês, adorados leitores, que do Oiapoque ao Chuí ou mesmo de mais longe, nos acompanham diariamente, nesta divina jornada virtual que tenho o privilégio e a honra de dividir com minhas amigas de fé e “pro FOREVER”, AC e MP.

Porque nada compara-se à alegria de tê-los conosco, enchendo o nosso BLOG de uma energia maravilhosa, com seus elogios mais que generosos, seus apartes preciosos, nos ensinando uma enormidade e, sobretudo, ajudando-nos a seguir, sempre e melhores…

Para tanto, procurei um tesouro à vossa altura pelos quatro cantos do mundo e finalmente acheio-o, aqui mesmo na minha terra, mais precisamente na deslumbrante Angra dos Reis: a receita de uma das mais famosas e exclusivas “Paellas” que conheço, feita pelo amigo queridíssimo, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, que junto com sua encantadora mulher Lu, são anfitriões imbatíveis…

 

Com os queridos amigos Domenico De Masi, Boni e Lu, Vitória Lemann e os craques assessores do chef, reverenciando sua excelência a “Paella Valenciana”!

Com os queridos amigos Domenico De Masi, Boni e Lu, Vitória Lemann e os craques assessores do chef, reverenciando sua excelência a “Paella Valenciana”!

 

Como todo grand seigneur, Boni é perfeccionista e só faz e fala com profundo conhecimento de causa: cultura e requinte, esta dupla inseparável. Assim, vê-lo em ação produzindo sua “Paella” foi pra mim uma aula magna de gastronomia, que repasso com a ressalva: não é propriamente uma receita e sim um esboço, a ser interpretado como quisermos ou pudermos.

Vou mostrar seu “passo a passo” em fotos tipo ensaio, pra ficar muito cool… Curtam!

 

PRIMEIRA ETAPA:
PARA RENDER 1 LITRO DE BRODO OU CALDO DE FRUTOS DO MAR
-Ponha numa panela alta uma cabeça de badejo, outra de garoupa, mais as cascas de 2 Kg de lagosta e 2Kg de camarão VG, tudo tinindo de tão fresco;
– Junte 2 molhos de coentro, 1 cebola inteira,1 aipo, 2 dentes de alho, sal a gosto, 2 L de água e coloque tudo pra cozinhar, em fogo brando, até reduzir o líquido pela metade.

 

O caldo apurando….

 

O brodo já coado, pronto para entrar em ação!

O brodo já coado, pronto para entrar em ação!

 

SEGUNDA ETAPA:
INGREDIENTES:
-Use tantos quanto você conseguir dos seguintes ingredientes:
1 Kg de mexilhão na casca;
1 Kg de vongoli na casca;
1 Kg de navajas ou tâmaras do mar;
A PARTIR DAQUI, É OBRIGATÓRIO
2 Kg de camarão VG;
2 Kg de lagosta, cortadas na articulação, em forma de anéis, sem tirar a casca;
1 badejo cortado em cubos;
1 garoupa cortada em cubos;
1 Kg de coxinha de frango;
1 Kg de linguiça espanhola de chouriço;
2 latas de petit pois Borduelle;
4 tomates picados:
4 cebolas picadas
2 pimentões amarelos sem casca, cortados em tiras;
2 pimentões vermelhos sem casca, cortados em tiras;
1 L de azeite;
1 1/2 Kg de arroz;
Suco de 2 limões.
Reservar uns 12 camarões e as cascas de 2 lagostas grandes para decoração.

 

O filet de peixe esperando pra ser cortado!

 

Os camarões!

 

As lagostas cortadas em rodelas com casca!

 

A tâmara do mar e o vongole!

 

TODOS os ingredientes embalados separadamente, esperando a hora de entrar em ação!

 

A paellera!

 

Este é o arroz ideal, mas quem não tem cão…

 

O açafrão: misture-o agora ao caldo de frutos do mar.

 

Eis o azeite do chef Boni! Esperei anos por esta dica…

 

TERCEIRA ETAPA:

PREPARO:
Daqui pra frente, segue o “ensaio fotográfico”. Como veremos, a cozinha do chef Boni é cartesiana, isto é, racional e organizada. Com isso, ele minimiza o erro, maximiza a eficiência e nos ensina que o quatro bocas não aceita amadorismo.
Detalhes:
1- A qualidade dos ingredientes é fundamental;
2-Os ingredientes vão entrando de acordo com seus tempos de cozimento;
3- São exatamente 15 minutos entre da hora em que o arroz entra na paejeira até servir…
Agora, vamos ao que interessa… BN

 

Colocar azeite na paellera;

 

Colocar a cebola;

 

O chef põe mais azeite;

 

Salpicar o tomate…

 

Grelhar as coxinhas de frango;

 

Boni põe o arroz, esparramando-o… Notem que, em paralelo, as coxinhas estão sendo douradas e já, já vão entrar em cena;

 

Entram as coxinhas, minuciosamente dispostas, pelo chef e seu braço direito Roberto;

 

Mestre Boni e mais azeite;

 

Sempre regar as bordas para não ressecarem;

 

Entra o vongole: vejam seu display

 

Entra a linguiça: vejam sua colocação neste lindo quadro gastrô que está se formando!

 

Agora as navajas;

 

Entra a garoupa: close up!

 

Entram os camarões...

Entram os camarões…

 

Vejam como foram dispostos…

 

A vez da lagosta...

A vez da lagosta…

 

Vejam o lay out dela na paellera!

 

Eis os camarões para enfeitar....

Eis os camarões para enfeitar….

 

Os camarões que irão enfeita-la, sendo grelhados...

… Sendo grelhados…

 

Hidratando o tempo todo;

 

Entram os mariscos: vejam onde foram posicionados!

 

Mais caldo;

 

Sumo de limão;

 

… O chef pondo o sumo de limão;

 

Detalhe fundamental: o tempo todo o chef controla o cozimento dos ingredientes, virando-os;

 

As cascas de lagosta reservadas entram para a beauté da paella;

 

Petit pois;

 

Salpicando;

 

Finalmente, os pimentões;

 

Voílà, pronta pra ser atacada!

Voílà, pronta pra ser atacada!

 

Mas antes, tem que passar pelo apurado crivo da dona da casa: Lu experimentando, Boni expectativa…

 

Depois de aprovada e com louvor, me servo da melhor paella que comi na vida!

 

Grand finale!!!!!

Grand finale!!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 ideias sobre “VALE A PENA VER DE NOVO: PAELLA BY BONI, UM MUST!

  1. Eu gosto muito de fazer este prato e ver como outros cozinheiros fazem também. Sempre aprendo alguma coisa e Alem da apresentação, do visual, a disposição dos ingredientes achei muito interessante. O tempo de conceição também me despertou interesse. Uma coisa temos em comum que é o emprego de conchinhas da asa de frango.
    Agora, pra fazer essa paeja, tem de ser cozinheiro!
    Vou fazer , em Porto Seguro, na próxima semana.
    Parabéns, Boni e companhia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *