Longe de fazer apologia ao mercado informal outro dia dentro de um taxi vindo do Santos Dumont descobri um achado. O motorista parou no sinal e comprou de um vendedor ambulante uma espécie de régua com três entradas para carregar qualquer tipo de celular no carro, além de uma entrada USB compativel com computadores, ipad… No mesmo instante ele ligou ali seu GPS, carregador de celular e ficou uma entrada para um eventual passageiro sem bateria. Maravilhoso e tudo isto por apenas R$ 14,00.

MP

 

Parte de trás do carregador.

Regua em ação carregando o celular e o GPS do motorista.

 

 

Dando uma volta por Ipanema, passei na vitrine da SARA e quando olhei pra dentro , wow!, o que é este chão? A bandeira inglesa, com suas cores lindas, para o lançamento do TANK ANGLAISE da Cartier.

Tem um tour pela história dos relógios TANK, uma volta no tempo, desde o primeiro modelo…

Já que eu entrei, rsrsrs, vamos ver outras coisas mais, antes do lançamento oficial da nova coleção! Irresistível!

AC

 

Aqui começa o tour pela história dos relógios TANK

 

 

 

 

 

Detalhe do chão

 

O super poderoso todo em diamonds, ulalá…

 

 

Agora nosso “rolé” rápido pela nova coleção:

 

 

Turmalina Paraíba verde

 

Turmalina Paraíba azul

 

Tô totalmente IN LOVE com esta dupla!

 

Não são umas coisas de doido?

 

OMG! Esta me impactou totalmente! QUE COR!

 

Formato e lapidação super diferentes para Paraíba

 

Adriana, minha personal modelo quando vou lá, com brinco lindo! A pérola é meio rosada…

 

E o trio maravilha?

 

Amei estes pompons! Tem um preço maravilhoso!!!!!!!!!

 

 

E agora o LAJA BANG, ao vivo e em cores! LINDO! Só tem 8!

 

 

 

Achei “básica” esta combinação…hahaha! QUEM ME DÉRA!

 

AC

Meus olhos vêem uma hora e o meu otimismo outra…

Sair correndo é minha marca registrada pois sou a pessoa mais otimista, em se tratando de tempo: tenho certeza que ele é perfeitamente elástico…

Faço uma ginástica extra ProForma pra não chegar atrasada…

Mesmo não sendo, poucas vezes me deixou na mão. O mais comum é eu ter pequenos castigos por gostar de me arrumar dez minutos antes de sair e, geralmente, as consequências caem sobre a minha bolsa: esqueço o celular, vou pro cinema sem óculos, pro restaurante idem, idem, baton e pente só em dia de muita festa…

Estão vendo, esqueci meus três óculos: pra perto, longe e escuros…

Mas outro dia, fui à forra, graças à generosidade da amiga queridíssima Marcia Solera. Tínhamos Municipal, à tarde, concerto do grande Nelson Freire, daí emendamos pro Jobi, mais a querida Vivi Rocha e, como era sábado, meu maridíssimo pegou-me pra jantar, eu direto com canastra e a mesma produção, desde às três da tarde. Tudo ia inexplicavelmente bem até que fui me retocar para meu date e, cadê o batom?

BN e a salvadora da pátria e amiga queridíssima, Marcia Solera!

Foi quando Marcia tira da bolsa um batom e, com seu jeitinho manso imbatível, manda eu experimenta-lo: foi love at first sight, do you believe?!

Eis o Rouge Allure, da Chanel, Nro 63, não uso outro, desde então. Agora desculpe-me se a Marquesa de Santos já o usava: eu e minha distração não sabíamos, “to” crente que ele é novidade!

Trata-se do Rouge Allure, da Chanel, que não tiro mais! Pra quem já o conhece há anos, me desculpe a ignorância, sou BN, aquela que não sabe passar nem rimel.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...