Os tempos não mudaram porque já na Roma antiga as mulheres vestiam seus cachorros com correntes de ouro cravejadas com pedras preciosas.

A família real chinesa mantinha os cachorros pequineses como cão palacianos desde o século VIII e estes tinham lugar cativo ao lado do trono do imperador. Os servos perfumavam os cães e os carregavam em mini-liteiras.

A traves dos tempos cães foram apreciados pela nobreza, mas eles ficaram especialmente populares durante a Renascença quando foram muito retratados nas pinturas. O cão bem criado era símbolo de status e os mais afortunados, tipo os aristocratas, eram alimentados com dietas ricas em carne.

Pintura do sec XVIII

Existe uma história que conta que Louis XIV ofereceu a um de seus “greyrounds” favoritos sua própria cama e suas roupas de dormir para que ele ficasse mais confortável! As camas dos cachorros reais eram totalmente luxuosas e as dos cachorros de Maria Antonieta nem se fala…eram gloriosas! Sofisticadas camas apareceram também nos ducados da Renascença italiana.

O mercado de luxo para cães tem crescido muito nos últimos tempos. Os tempos mudaram mais nossos cães continuam a receber tratamento real . Algumas joalherias fazem jóias para cachorros como a marca I Love dog diamonds  que fez um colar de 3 milhões de dólares ( foto abaixo) , loucura não? Você pode também usar a sua imaginação e encomendar para qualquer ourives a medalhinha personalizada para seu cachorro!

As camas para cachorros estão cada vez mais lindas vejam estas abaixo! Adorei as réplicas francesas, achei maravilhosas!

 

Clique AQUI para ver estas que adorei!

Os europeus amam cachorros, especialmente os ingleses e os franceses que os tratam, as vezes, melhor que as crianças! Me lembro de ir a casa de uma inglesa chiquérrima onde em cada sala de sua casa, tinha uma almofada no chão do mesmo tecido dos sofás, para seu cachorro de estimação que até usava colar de pérolas! Pessoalmente adoro um cachorro, já tive até onze labradores na minha casa, hoje em dia tenho um yorkshire que amo!

O nosso Rick!

MP

 

Já mostrei aqui como sou fã das espadrilles que Mariana Luchi, a dona da FELIPA, faz!

Acho sempre o sapato mais confortável do planeta, e super adequado para se usar no nosso clima tropical!

Eu uso o ano todo, e se tivesse espadrille para baile e eu fosse a um, Cinderella perde!

 

 

A FELIPA tem todos os tipos de salto, e esta coleção tem motivos náuticos, olhem só quantas coisas lindas!

AC

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FELIPA

Rua Dias Ferreira, 116-A

Leblon

Tel: 21-31146408

www.felipa.com.br

 

AC

 

Quem ganhou esta linda louça foi nossa amiga virtual KATIA FIGUEIREDO.

 

Louça linda da Secrets de Famille, um dos presentes do BLOG para as leitoras, pelo dia das mães!

 

KATIA querida, mandamos um email para você. Por favor nos responda até amanhã, sexta- feira, dia10 de maio, ao meio dia!!!

Um felicíssimo dia das mães e um beijo carinhoso das 40 FOREVER
AC, BN & MP

 

Como o tema deste post é, no fundo, o improviso, eis o primeiro: esta mesa, em breve, virará aparador…

 

Com este jantar comemorei o aniversário de minha adorada mãe, Sonia Bittencourt, no final de novembro de 2011 (as fotos sumiram e reapareceram no meu arquivo, mistério). Sua lista passava de oito à mesa, todas “eightie forever”, fiquei numa sinuca de bico…

 

Improviso 2: À direita há um recanto em minha sala onde coloquei uma mesa para comermos…

 

Como já notaram, não tenho uma sala de jantar formal: comemos num recanto que criei, onde coube uma mesa quadrada para oito pessoas, confortavelmente sentadas, ou dez meio no aperto… Quebro o galho com aquela segunda mesa, no meio do jardim, esta para dezesseis, que também é velha conhecida vossa, só que tem uma escada até lá e só mesmo a garotada para enfrentá-la à noite. Restou a imaginação para me salvar.

 

Esta é a minha mesa habitual de comer!

 

Como foi neste dia e em muitos outros, quando precisei sentar convidados, usando o improviso. Conto isto porque vai que alguma de vocês está passando pelo mesmo caso: olhe em volta, com a convicção de que tudo vai dar certo e qualquer lugar fica lindo, com um pouquinho de charme. A minha tábua de salvação chama-se mesa de trabalho do maridão e a maior dificuldade é convencê-lo do empréstimo.

 

Eis a mesa de trabalho, transfigurada para o jantar: não ficou simpática?!

 

Vejam, nas fotos, os detalhes de como tudo funcionou… BN

 

ARRUMAÇÃO DA MESA 1: A QUE USAMOS NO DIA A DIA…

 

TOTAL LOOK!

 

Outro ângulo!

 

Close no centro da mesa…

 

Mais de perto: pus tudo que tinha direito!

 

Foco em um lugar à mesa… Este serviço americano é da Alecrim: encomendei pra combinar com meus lindos copos de borboleta da Eyer!

 

Meus copos by Eyer: Cada borboleta é diferente no modelo e na cor, auge do requinte!

 

ARRUMAÇÃO DA MESA 2: EIS O IMPROVISO…

 

Quando preciso que esta mesa participe de um jantar, trago-a pro meio de sala…

 

Outro ângulo…

 

Outra visão!

 

Detalhe do centro…

 

Como o menu era árabe, complementei a sobremesa com docinhos típicos!

 

Close num dos lugares: arrumo as mesas igualmente, adapando-me às suas diferentes configurações!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...