O arco de cabeça anuncia a Holly Woodland de Charlotte!

 

Tem algo mais cinema noir?!

 

Por falar em Londres, fui conhecer a loja da talentosa designer anglo-brasileira, Charlotte Olympia, e seus sapatos e bolsas cheios de graça, humor e também todo o conforto que nossos pezinhos merecem.

 

Muita plataforma, super confortáveis, me lembraram Carmem Miranda!

 

Bombando do nascer ao por do sol, a pequena loja em Old Bond Street é uma verdadeira graça e parece estar em permanente liquidação, tal o entra e sai de clientes.

 

Esta carteira, em forma d claquete, é super divertida… Sorry pela foto, a prateleira era altíssima e a fotógrafa, nem tanto!

 

E vem também numa versão mais light, de vinil!

 

Eu dei a sorte de passar por lá, justo quando chegava sua última coleção, “Hollywood”. Moderna ma non troppo, a nostalgia é atenuada por uma certa brejeirice e o resultado é elegante e muito divertido, como tudo que sua idealizadora faz. Vejam nas fotos! BN

AS BOLSAS:

 

Amei este saco de pipocas/ bolsa!

 

A criatividade continua com esta bolsa/ rolo de filme!

 

Os anos 30 estão com tudo: esta bolsa decô é podre de chic!

 

Para o dia!

 

Para toda hora….

 

OS SAPATOS:

 

Esta plataforma de cetim estava na vitrine, numa redoma de cristal, esperando pela próxima Cinderela… E muito bem acompanhada da Pandora versão Hollywood.

 

Um dos carros-chefes da coleção, esta plataforma tras estampada a foto de sua atriz favorita dos 40 forever: aqui vemos a inesquecível Rita Rayworth!

 

Esta plata nem fez cerimônia, é toda de stars! A coté, uma Pandora perfeita pra Esther Williams e suas escadas em forma de A!

 

Esta plataforma que enrola nossos pés em um pedaço de rolo de filme é tuuuuddooo!!!! Noves fora a cor linda…

 

Glamuroso!

 

Estiloso…

 

Este escarpim é muito chic e vem também em vermelho!

 

Amei estas sapatilhas que também têm broche de musas…

 

 

Marilyn by Bert Stern

Em 1962 Bert Stern começou sua carreira e foi um fotógrafo reconhecido pela qualidade de seus retratos. Ele foi também um caçador de ícones e de estrelas.  Voltando de Roma para New York, depois de ter fotografado Elizabeth Taylor durante a filmagem de Cleopatra, seu sonho de consumo era fotografar Marilyn Monroe .

Ele propõe então à Vogue uma reportagem exclusiva de fotos de Marilyn, que foi imediatamente aceita pela revista. E tudo aconteceu rapidamente, pois Marilyn aceitou posar nua para ele e Bern realiza seu sonho, conseguindo fazer fotos que mais tarde viraram históricas…

Essas fotos foram feitas não em estúdio, como era o hábito, mas numa sensacional suite do Hotel Bel-Air em Los Angeles. Marilyn até o último minuto deixou um suspense se vinha ou não, e sua chegada, depois de cinco horas de atraso, foi um triunfo para ele.  Esta sessão marcou a carreira de Bern; foi umas destas sessões inesquecíveis onde certamente ele se apaixonou por Marilyn e tirou quase 3000 fotos (o que para época era uma loucura!)

Mas infelizmente ela morreu um dia antes que estas maravilhosas fotos saíssem na Vogue. Aqui vão algumas delas que marcaram uma época no mundo da fotografia. Fiquei apaixonada quando vi este exposição em Paris no lindo e pequeno Museu Maillol.

MP

 

 

 

 

 

O Hotel LA SIRENUSE, da familia Sersale, super conhecido em Positano, que tem um spa incrível e faz uns perfumes deliciosos, assim como shampoos, sabonetes, etc… acaba de lançar, para comemorar os 60 anos do hotel, o que eles consideram o cheiro da “dolce vita” em Positano nos anos 50 e 60, um glamour só, “UN BATEAU POUR CAPRI”!

Já estou usando, é divino!

 

 

 

Para descrever o aroma eles escrevem o seguinte: “Imagine Grace Kelly ou Liz Taylor numa manhã de verão ensolarada, cabelos presos numa echarpe de seda, grandes óculos de sol, entrando num barco de madeira Riva a caminha de Capri, eis Un Bateau pour Capri.”

 

 

 

 

Para comprar clique AQUI!

 

AC

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...