A COLEÇÃO ARQUIVINHO DA EDITORA BEM-TE-VI É JÓIA EM FORMA DE LIVRO!

 

 

livros martha

Livros… Tem presente mais “viajante”?!

 

Pras nossas adoradas mães, principalmente em seu dia, queremos sempre a grande homenagem: uma jóia preciosa, a bolsa mais linda, o bouquet do Jeff Leathan… Mas este ano, resolvi fugir para mais longe, ao procurar um presente que enchesse os olhos e alma da minha diva. E foi uma alegria encontrar esta série de livros que conto abaixo pois preencheu os requisitos de minha exigência, com toda maestria.

Idealizada por Lélia Coelho Frota e dedicada a escritores brasileiros desaparecidos, a coleção “Arquivinho” é das mais bem concebidas em seu gênero, façanha da editora carioca Bem-Te-Vi. Traçando de maneira original e eficiente o retrato de quatro grandes artistas brasileiros, ela reuniu numa espécie de perfil informal, biografia, textos, documentos, depoimentos, fotos, DVDS, iconografia ou qualquer outra informação que ilustrasse a vida e personalidade do homenageado, tendo como grande mérito aproximar o leitor de seu ídolo, ao simplificar o acesso à sua obra. Em formato de caixa ou pasta, são quatro os ilustres “biografados”:

 

A

“Arquivinho” Vinicius de Moraes!

 

1- Vinícius de Moraes:
Sua pasta possui 18 ítens que vão de um caderno com poemas praticamente inéditos, da sua mocidade, CD de Miúcha cantando Vinícius, é claro, fotos, biografia e até um soneto manuscrito por Pablo Neruda, dedicado ao pontinha.

 

"Arquivinho" Helio Pellegrino!

“Arquivinho” Helio Pellegrino!

 

2- Helio Pellegrino:
Além de fac-símiles relativos à sua obra, sua caixa comporta 15 ítens com preciosidades como uma cronologia de sua vida feita pela neta Antonia, biografia por Paulo Roberto Pires, 8 poemas extraídos do “O Livro da Amiga”, que fez em homenagem à mulher Maria Urbana Guimarães, além da reprodução de uma pintura dela pelo grande Guignard.

 

Arquivinho Otto Lara Resende!

Arquivinho Otto Lara Resende!

 

3- Otto Lara Resende:
O talentoso mineiro mereceu caixa com 12 ítens que vão de textos seus sobre amigos, escritores, jornalistas à uma carta de 6 páginas,manuscritas, para Vinicius, passando por um espetacular DVD gravado com arquivos do Cedoc da TV Globo, onde Otto Lara entrevista as mais variadas personalidades.

 

Arquivinho Nelson Rodrigues.

Arquivinho Nelson Rodrigues.

 

4- Nelson Rodrigues:
O grande dramaturgo foi o último editado pela série, com pasta de 12 ítens coordenada por Cláudio Mello e Souza (focando especialmente a parte dramática da obra do “multifacetado” autor), sendo 11 deles peças gráficas, que incluem textos sobre o autor de Bárbara Heliodora, Arnaldo Jabor, Armando Nogueira, depoimento de Fernanda Montenegro sobre Nelson e DVD com depoimentos dele sobre vários assuntos.

O único problema foi que nem recorrendo ao “uni duni tê” consegui escolher… Assim minha mãe vai se esbaldar por um bom tempo! BN

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe um comentário