REPELENTE CHIQUÉRRIMO E ECOLÓGICO!

 

Imaginem esta cena, emblemática na história das artes plásticas, perturbada por uma…mosca mala?! (Pra quem chegou agora, este quadro é o famoso “Déjeuner sur l’herbe”, de Edouard Manet)

Imaginem esta cena emblemática na história das artes plásticas, perturbada por uma… mosca mala!!! Com certeza o  “Déjeuner sur l’herbe”, de Edouard Manet, teria outro nome…

 

Pensando no desconforto descrito no quadro acima, minha adorada amiga e dona de casa de mão cheia, CLAUDIA FERRAZ. deu-me esta dica preciosa de um repelente super charmoso, que repasso pra vocês.

Acho que vai agradar aos que gostam de comer ao ar livre, pois neste verão rigoroso e com o calor que estamos passando, dobra a quantidade de moscas, mosquitos e cia no nosso bucólico “Déjeuner sur l’herbe”. Ah, e tem dois maravilhosos agravantes: É “home made” e ecológico, portanto podre de chic. Passo o teclado à querida Cláudia, para que nos explique tudinho. BN

 

Vejam onde queremos chegar...

Vejam onde queremos chegar…

 

CLÁUDIA FERRAZ:
“Cravos espetados em limão, afastam as moscas e mosquitos. Um repelente eficiente e barato e que funciona, pois fiz o teste, deixando o ambiente deliciosamente perfumado!
O engenhoso repelente caseiro parte do princípio que o limão não faz nenhum sucesso entre moscas e mosquitos e o cravo é detestado pelas formigas ( sozinho é um ótimo repelente contra elas). Os dois juntos acentuam o odor que espanta os três insetos mais temidos dos jardins e arredores, ajudando-nos a combater o aterrorizante Aedes Aegypt., com eficiência e charme!
Preparo: Enterre alguns cravos em alguns limões cortados ao meio (como na foto acima), coloque num lindo prato de cerâmica, bem no centro de sua mesa, que o “arranjo” vira dublê de bouquet!
Use também na geladeira para afastar maus odores”. CF

 

Vejam como além do mais ele enfeita a mesa...

Além do mais ele enfeita a mesa… BN

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

8 ideias sobre “REPELENTE CHIQUÉRRIMO E ECOLÓGICO!

  1. Sou fã dos cravos! Coloco-os em saquinhos de tule nas gavetas as traças não suportam mesmo, e também em álcool e borrifo no ar e chão em torno do pratinho de ração do Richard (o gatinho q é meu dono) as formigas odeiam!! rs Ótima ideia a do limão, vou aderir. bjbjbj

  2. Quando vi pela foto achei que fosse mais uma daquelas engenhocas caríssimas…! O post está um charme! Adorei, mas aqui em Goiás é tão quente, que nem as moscas sobrevivem….

  3. Adorei. Simples, barato e ecologicamente correto.
    Nota 10 para a Cláudia!
    Bebel, lá vem você novamente me tentando com sua mesa linda do tal artista de Tiradentes…. Cadê o post que você me prometeu sobre ele? kkkk
    Bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *